Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página

OPINIÃO

Como escrever um currículo

10/03/2018 06:00
Flávio Melo Ribeiro - Psicólogo - CRP12/00449

Com a economia do País dando sinal de retomada do crescimento aumentou o número de contratações e consequentemente a quantidade de currículos que chegam por vaga, aumentando dessa forma a competividade. Um dado interessante para quem está enviando currículo é saber com quantos candidatos está concorrendo. Nas vagas que sou responsável selecionar, tem surgido em média mil currículos por vaga na área administrativa, duzentos para cargos gerenciais e uns cinquenta currículos para a área de tecnologia. Isto significa que a concorrência está grande e é fundamental apresentar um diferencial competitivo apresentando um bom currículo.
Apesar de existir diversos sites ensinando e disponibilizando modelos de currículos que basta ser preenchido, chegam uma infinidade de currículos faltando informações importantes ou mesmo carregadas de informações desnecessárias. Por exemplo, é essencial que ao citar as experiências profissionais, escreva junto ao nome da empresa em que trabalhava as datas de entrada e saída. Esta informação é importante para quem está analisando o currículo, pois além de saber quantos meses esse candidato trabalhou nas empresas é possível ligar com os acontecimentos sociais e econômicos que o País, a região ou a referida empresa possam estar passando. Quem cita apenas o ano de entrada e saída, como por exemplo, 2016/2017, dá a impressão que entrou em Dezembro de 2016 e foi desligado em janeiro de 2017 e está tentando esconder que trabalhou apenas no período de experiência.
Geralmente os textos sobre como montar um currículo expõem o ponto de vista do candidato à vaga, vou expor aqui o ponto de vista de quem precisa ler de duzentos a trezentos currículos numa tarde. É importante que o currículo seja limpo e objetivo. O nome do candidato precisa ficar em destaque e junto as informações de contato como endereço, e-mail, telefone. Em seguida pode-se escrever a formação, caso esteja fazendo curso superior, ou já formado, coloque apenas a universidade que concluiu ou está frequentando. Escreva onde frequentou o ensino médio apenas se for relevante para a vaga. Exponha em formação os cursos relevantes para exercer a função pretendida.
Na parte da experiência inicie com o cargo que exercia, nome da empresa, data de entrada e saída da empresa. Faça uma breve descrição das atividades que desenvolvia. Não escreva as atividades da empresa como se fosse as suas.
Por fim cite os conhecimentos que domina e são importantes para desenvolver o trabalho. Preferencialmente escreva seu currículo numa página, no máximo em duas. Lembre que o avaliador vai ler trezentos currículos.

Últimas Notícias

Mais Notícias