Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página

OPINIÃO

Bezerra, nobre amigo

16/04/2019 06:00
José de Paiva Netto - jornalista, radialista e escritor

Cento  e dezenove anos! É o tempo de permanência na Pátria Espiritual que o ilustre dr. Adolfo Bezerra de Menezes Cavalcanti (1831-1900) completou em 11 de abril. Daí a nossa homenagem ao lançarmos, pela Editora Elevação, o seu livro Páginas de Esperança — Espiritualidade, Família e Evangelho-Apocalipse de Jesus (2018), em que vocês poderão ler extraordinárias reflexões do caridoso Amigo Espiritual. A psicografia é o do sensitivo Chico Periotto.
Nascido em Riacho do Sangue/CE, teve uma brilhante atuação na política do Brasil Império, no século 19. Residindo no Rio de Janeiro/RJ desde os 20 anos, destacou-se como médico, militar, jornalista e escritor. Dotado de alto espírito altruísta, era chamado de o Médico dos Pobres.
Sempre disposto e dedicado a amenizar o sofrimento das criaturas, ele prossegue seu apostolado de Fé e Caridade no Mundo Invisível e na Terra, demonstrando que a morte não cessa a ação dos justos. Numa de suas manifestações espirituais, por intermédio do sensitivo Chico Periotto, falou-nos da certeza dessa colaboração: “Não tenho como retirar a cruz de ninguém, mas, para ajudar a carregá-la, contem comigo! Ajudar a conduzir essa cruz que nos leva a caminhos gloriosos da Eternidade. Vitoriosos!”
Dr. Bezerra, receba a saudação dos seus amigos da Terra.

Últimas Notícias

Mais Notícias