Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página

ESPORTES

A busca por novos titulares

18/06/2018 09:03
Foto por Denis Luciano (Foto: Denis Luciano) Clique para Ampliar
Denis Luciano

Procura-se um lateral-direito. E um meia também. Justamente para as duas funções que o Criciúma tem mais urgência em contratar estão os maiores problemas para o técnico Mazola Júnior escalar o time que enfrentará o Brasil na quinta-feira, em Pelotas. É outro confronto com adversário direto na luta para não cair, e o Tigre vai duramente desfalcado.

Lesionado, Sueliton está fora. “Não temos outro lateral-direito”, lembra Mazola. Elvis passou o dia ontem com a mão imobilizada. Deverá continuar hoje. E amanhã. Recupera-se da luxação sofrida em Barueri. É praticamente certa a sua ausência. “O cara pisou no dedo dele”, lamenta o treinador. O substituto, Alex Maranhão, foi expulso no empate com o Oeste. Também estará fora.

As dores de cabeça não param por aí. O zagueiro Christian, que já jogou como lateral pela direita, recupera-se de uma fratura na mão sofrida na semana passada. E o atacante Zé Carlos, com lesão do mesmo grau 1 de Sueliton, desfalcará o Criciúma por até 15 dias. Ambos sentiram o músculo posterior da coxa, o atacante na direita, o lateral na esquerda. De quebra, Vitor Feijão, que entrou no lugar de Zé na última rodada, também está no departamento médico. Machucou o músculo posterior da coxa direita.

 

Pouco tempo, muitas mudanças

“O campeonato é assim. Temos que estar preparados para estas situações”, pontua o técnico. O zagueiro Fábio Ferreira e o atacante João Paulo, com pancadas sofridas, não treinaram ontem, mas hoje devem estar liberados. Para compensar, os volantes Jean Mangabeira e Eduardo, recuperados de lesões, treinaram normalmente. Devem ir para o jogo.

O tempo é curto. Mazola terá apenas hoje à tarde e amanhã pela manhã para montar a equipe. Lucas Coelho, recuperado de lesão, aparece como alternativa para a vaga de Zé Carlos. Ralph pode continuar improvisado na lateral pela direita, embora Carlos Eduardo já tenha jogado ali. “O Carlos Eduardo tem muita deficiência na marcação”, disse o técnico no sábado. E o meio? Difícil prever. Vai ser a hora da criatividade no tricolor.

 

Reforço que conhece o rival

Finalmente o lateral-esquerdo Artur é reforço do Criciúma. Apresentado ontem à tarde e com nome divulgado no BID, está pronto para estrear. “Essas duas semanas se arrastaram”, disse. Artur vem do Brasil de Pelotas, justamente contra quem poderá fazer o primeiro jogo no Tigre. “Estou bem fisicamente”, garante.

Revelado no JV Lideral do Maranhão, chegou no Internacional em 2013, foi titular entre 2015 e 2016, jogou por empréstimo na Ponte Preta no ano passado e no Brasil neste ano, até as cinco primeiras rodadas da Série B. “Com as derrotas, o técnico foi trocando, e eu saí do time”, conta.

Clemer, que foi seu treinador, acabou demitido pelo clube de Pelotas após a derrota de sexta para o Fortaleza, 2 a 0 fora de casa. O ex-jogador Gustavo Papa vai comandar o Brasil contra o Criciúma. “Mas sabemos que jogar lá é difícil”, lembra Artur, que está abastecendo Mazola com informações. “Faço de volante se precisar mas minha posição é lateral-esquerdo”, observa. “Sou aguerrido, tenho força física, apoio bem, de vez em quando chego na frente, tenho bom chute”, arremata.

A contratação de Artur é estratégica. Vem oferecer uma alternativa a Marlon, que em breve será julgado no STJD pela expulsão contra o Juventude, com sério risco de suspensão por alguns jogos. Eltinho, o outro lateral-esquerdo do elenco, vem treinando com bola após se recuperar de mais uma lesão.

Últimas Notícias

Mais Notícias